Após rebaixamento, Dilma reúne ministros da coordenação no Planalto

Standard & Poor’s tirou o grau de investimento do Brasil na noite de quarta.
Reunião, que ocorre às segundas-feiras, foi convocada para esta quinta.

A presidente Dilma Rousseff se reuniu na manhã desta quinta-feira (10) com ministros da coordenação política, um dia depois de a agência de risco Standard & Poor’s tirar o “selo de bom pagador” do Brasil. A reunião de coordenação política, que envolve os principais ministros do governo, ocorre geralmente às segundas-feiras. Nesta semana, por causa do feriado da Independência, foi realizada na terça (8). O encontro desta quinta, marcado pela presidente, tem caráter extraordinário.

A nota do país foi rebaixada de “BBB-” para “BB+”, com perspectiva negativa. O rebaixamento do rating do Brasil para a categoria “especulativa” acontece menos de 50 dias após a agência ter mudado a perspectiva para negativa.No início desta quinta, o dólar operava em alta, após a notícia do rebaixamento.

A reunião teve início às 9h e, até a última atualização desta reportagem, ainda não havia terminado. Segundo o Palacio do Planalto, participaram o vice-presidente, Michel Temer, os ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil), Joaquim Levy (Fazenda), Edinho Silva (Comunicação Social), Eduardo Braga (Minas e Energia), Gilberto Kassab (Ministério das Cidades), José Eduardo Cardozo (Justiça), Nelson Barbosa (Planejamento), Ricardo Berzoini (Comunicações). Também estão presentes o senador Delcídio do Amaral (PT-MS), líder do governo no Senado, o senador José Pimentel (PT-CE), líder do governo no Congresso, e o deputado José Guimarães (PT-CE), líder do governo na Câmara.

Um dos ministros no encontro, Nelson Barbosa afirmou, após a notícia do rebaixamento, que foi uma “surpresa” e que a situação “pode ser revertida”.

“Esta noticia é uma noticia que não é boa e pode ser revertida e estamos trabalhando para isso. O governo brasileiro tem todos os instrumentos para resolver a questão fiscal do país. Agora, esta resolução depende de medidas legislativas, depende do esforço conjunto. Cabe ao Executivo propor medidas, e várias delas terão que tramitar no Congresso. Temos que respeitar o rito democrático de aplicação de medidas fiscais”, declarou o ministro na noite desta quarta.

Legislativo
No Congresso, a notícia também repercutiu na noite de quarta-feira. O líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral (PT-MS), chegou a dizer que a crise não é econômica, mas política.

“O governo tem instrumentos. Tem que agir. A crise não é econômica, é política. Essa é a mais difícil de resolver. O governo tem de fazer esforço grande na economia e na política. A presidente Dilma está fazendo um trabalho intenso. […] Agora a discussão não é sobre popularidade. É arrumar a política e a economia”, afirmou.

O senador disse, ainda, que as agências de classificação de risco também falham. “Não podemos entender agência de risco como se fosse a última palavra da economia. Elas falham também. […] Agora, claro, uma agência dessa, independente dos erros, é usada como referência. Ninguém pode ignorar. É um alerta que vai levar o governo a tomar medidas nas quais a presidenta Dilma e ministros já estão trabalhando”, afirmou ele, que costuma participar das reuniões de coordenação política às segundas-feiras.

Via G1 – Link: g1.globo.com/politica/noticia/2015/09/apos-rebaixamento-dilma-reune-ministros-da-coordenacao-no-planalto.html

Técnico em Informática, Bacharel em Ciência da Computação. Natural de Itatiba/SP.

Email: brunomezzalira@itatibanews.com

Comentários
SEPARAMOS PARA VOCÊ
Um ano após posse, 107 prefeitos têm mandato cassa... Um levantamento divulgado onteme (10) pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) mostra que, um ano após a posse dos prefeitos eleitos em 2012, 1...
Em reunião dos Brics, Dilma defende ‘combate... Presidente teve encontro com colegas dos países em desenvolvimento. Petista está na Turquia para reunião das 20 maiores economias do planeta. Em reu...
Dilma diz que governo demorou em reconhecer gravid... Em entrevista nesta segunda-feira, no Palácio do Planalto, aos jornais O Estado de S.Paulo, O Globo eFolha de S.Paulo, a presidente Dilma Rousseff adm...

Bruno Mezzalira

Técnico em Informática, Bacharel em Ciência da Computação. Natural de Itatiba/SP. Email: brunomezzalira@itatibanews.com

Recentes

Reforma da Câmara Municipal ultrapassa R$ 1,35 mil... A Câmara Municipal de Itatiba (SP), anunciou na úl...
Vice-prefeito inicia os trabalhos em 2016 Nesta quarta-feira (06), por volta das 12h, o vice...
Polícia procura suspeito de ser o autor do crime q... A partir da prisão de Tchaulin Augusto Adão, de 24...
PM prende suspeito de ser o mandante do crime que ... Na tarde de ontem (03), a Polícia Militar prendeu ...
Itatibense desaparece a caminho de Campinas Na manhã de ontem (02), uma mulher de Itatiba (SP)...
Vigia é morto a tiros em posto de combustíveis Na madrugada deste domingo (03), o vigia de um pos...
Agressividade Infantil Você sabe o que é uma criança agressiva? Sabe como...

Populares

Obras contra enchentes alteram trânsito próximo ao... Com o objetivo de aumentar a vazão das águas do Ri...
Vacinação contra meningite C e HPV começa dia 11... A partir do dia 11 de setembro começa em todo o pa...
Confira a programação da Semana da Pátria 2017 A Prefeitura de Itatiba, por meio da Secretaria da...
Naufrágio em Salvador deixa ao menos 22 mortos; go... O 2° Distrito Naval de Salvador, na Bahia, confirm...
Com experiência cervejeira e shows sertanejos, Car... O Jaguariúna Rodeo Festival chega à 29ª edição nes...
CLOSE
CLOSE