Centro de Pesquisa da USP desenvolve aparelho que detecta dengue em 20 minutos

Um aparelho portátil e de baixo custo, desenvolvido por pesquisadores do Instituto de Física de São Carlos da Universidade de São Paulo (USP), é capaz diagnosticar com precisão os pacientes com o vírus da dengue em apenas 20 minutos, já a partir dos primeiros sintomas. A novidade está sendo possível porque um estudo mostrou alta concentração da proteína NS1, produzida pelo vírus. Atualmente, o exame para detectar a doença só pode ser feito no sexto dia, o que faz com que ela seja confundida com outras infecções e nem sempre tratada da forma adequada. A demora no diagnóstico pode levar, especialmente nos casos de reincidência, à morte.

“O teste convencional não pode ser feito nos primeiros dias, porque ele mede a concentração de anticorpos. [O paciente] tem que ter quadro avançado de dengue. O novo aparelho detecta a proteína já nos primeiros dias”, disse o professor Francisco Guimarães, responsável pelo estudo. O dispositivo, similar ao que é utilizado na medição de glicemia, funciona da seguinte forma: o anticorpo que reage à proteína NS1 é cultivado na gema do ovo. Em seguida, ele é colocado em alta concentração sobre uma membrana metálica, a qual em contato com o sangue infectado, reage eletricamente.

Guimarães destaca que a utilização de ovos de galinha para produzir os anticorpos foi uma das formas encontradas para baratear o custo do produto. “A gente gerou fora do corpo humano, sem usar animal, e isso faz com que o preço fique muito baixo. Apesar de o corpo ter milhões de proteínas, só aquela do vírus da dengue se liga ao anticorpo”, explicou. O aparelho deve custar entre R$ 100 e R$ 200. “A ideia é que todo posto de saúde, mesmo em lugares mais remotos, possam fazer o teste rápido, sem que o sangue tenha que ser levado para grandes centros. Evita-se a demora no resultado, pois é um teste direto”.

O professor espera que, em no máximo dois anos, o dispositivo esteja disponível para venda. “Fizemos o protótipo, mas ele tem que passar ainda pela etapa de desenvolvimento do produto, de validação pela Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária], de produção e só então a etapa de venda. Esse é o prazo mais otimista”, avaliou. A próxima fase da pesquisa é desenvolver biossensores que identifiquem o tipo de vírus da dengue. “Se o paciente pegou o tipo 1 e na cidade está alastrando o tipo 3, a chance dele ter hemorrágica é grande, pois é preciso ser infectado por vírus distintos. Por isso a importância de identificar o tipo”.
Por: Camila Maciel/Agência Brasil

Sócio-proprietário do site e página Itatiba News e fotógrafo. Natural de Itatiba. Atua também na área de transportes executivos.
Comentários

Cleber Quintino

Sócio-proprietário do site e página Itatiba News e fotógrafo. Natural de Itatiba. Atua também na área de transportes executivos.

Recentes

Polícia procura suspeito de ser o autor do crime q... A partir da prisão de Tchaulin Augusto Adão, de 24...
Reforma da Câmara Municipal ultrapassa R$ 1,35 mil... A Câmara Municipal de Itatiba (SP), anunciou na úl...
Itatibense desaparece a caminho de Campinas Na manhã de ontem (02), uma mulher de Itatiba (SP)...
Vigia é morto a tiros em posto de combustíveis Na madrugada deste domingo (03), o vigia de um pos...
Agressividade Infantil Você sabe o que é uma criança agressiva? Sabe como...
Serra das rodovias Anchieta e Imigrantes tem lenti... A rodovia dos Imigrantes continua com tráfego ...
Polícia ainda investiga desaparecimento de mulher ... A Polícia Civil ainda investiga o caso da estetici...

Populares

Polícia procura suspeito de ser o autor do crime q... A partir da prisão de Tchaulin Augusto Adão, de 24...
Reforma da Câmara Municipal ultrapassa R$ 1,35 mil... A Câmara Municipal de Itatiba (SP), anunciou na úl...
Itatibense desaparece a caminho de Campinas Na manhã de ontem (02), uma mulher de Itatiba (SP)...
Vigia é morto a tiros em posto de combustíveis Na madrugada deste domingo (03), o vigia de um pos...
Agressividade Infantil Você sabe o que é uma criança agressiva? Sabe como...
Serra das rodovias Anchieta e Imigrantes tem lenti... A rodovia dos Imigrantes continua com tráfego ...
Polícia ainda investiga desaparecimento de mulher ... A Polícia Civil ainda investiga o caso da estetici...
Homem procura por proprietário de veículo causador... Na última quinta-feira (31/12), um veículo Fiesta ...
PM prende homem e apreende adolescentes por roubo ... Na tarde de ontem (30), a Polícia MIlitar prendeu ...
Mulher desaparecida em Itatiba é encontrada Na noite desta quarta-feira (30), a esteticista Ma...
GM apreende veículos roubados durante patrulhament... Na noite de ontem (28), o GAP (Grupo de Apoio ao P...
Idoso de Itatiba perdido em Frutal procura familia... Um idoso sem documentos pessoais encontra-se perdi...
Homem é morto a tiros dentro de residência Na noite de ontem (26), um homem foi morto a tiros...
Veículo é furtado dentro de Condomínio Residencial... Um veículo Uno branco (placa CEJ-1548), foi furtad...
PM apreende motocicletas e rádios comunicadores du... Na manhã desta quinta-feira (24), a Polícia Milita...
PM arrecada doações para crianças do Lar Pedacinho... Nesta quarta-feira (23), por volta das 15h, o Bata...
Vazamento de água assusta moradores e provoca inte... Na noite da última segunda-feira (21), um vazament...
Retrospectiva política de Itatiba 2015 O fim de ano não se torna completo antes que se fa...
Polícia divulga retrato falado de suspeito de estu... Foi divulgado na manhã desta quinta-feira(17), o r...
Homem é vítima de homicídio em Itatiba Na madrugada desta quarta-feira (16), por volta da...
Prefeito recebe ofensas de internauta e reage dize... Nesta terça-feira (15), às 10h57, o prefeito João ...
CLOSE
CLOSE