Eleita a 3ª melhor cidade, Itatiba está esquecida segundo moradores

Foto: Alexandre Martins / JJ Na continuação da rua José Brunelli Filho, o acúmulo de entulhos e lixo incomoda moradores do Jardim Arizona

Foto: Alexandre Martins / JJ
Na continuação da rua José Brunelli Filho, o acúmulo de entulhos e lixo incomoda moradores do Jardim Arizona

Ainda que tenha sido eleita a 3ª melhor cidade do Brasil para se viver, Itatiba, no interior de São Paulo e a 17 quilômetros de Jundiaí, reúne moradores com discurso desanimado. “A cidade tem qualidade, mas estamos abandonados”, dizem no Jardim Arizona, Jardim Esther, Condomínio Beija-Flor e Central Park 2, bairros visitados pelo JJ nos Bairros. As mesmas reclamações também foram ouvidas em todas as visitas do programa já feitas à cidade até agora.

Itatiba foi considerada uma das melhores cidades do País em infraestrutura, qualidade de vida e diversificação das atividades econômicas e chegou à terceira colocação no ranking de pesquisa da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) chamada Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM) de 2012, baseada em dados de 2010. A pesquisa levou em conta três áreas: emprego e renda, educação e saúde.

Dois anos depois, porém, nas ruas do loteamento Morada dos Pássaros, próximo ao Jardim Arizona, a sensação é de descaso. “É uma cidade mal administrada. O prefeito não faz nada em seu segundo mandato. Itatiba está abandonada”, diz Maria Aparecida Barcelli Neves, que gosta do município. “Falta a prefeitura cuidar.” Em seu bairro, a insegurança é um dos maiores incômodos. Semelhante a um condomínio, mas não fechado, o loteamento tem casas grandes, ruas tranquilas, e uma bela vista do topo que marca a região alta – geografia própria de quase toda Itatiba. No entanto, o que parece um sossego, com frequência, se torna cenário de violência.

“Já tivemos vizinhos sequestrados. Falta ronda policial. Para pagarmos a guarda privada, fica muito caro. Nem todos querem”, conta ainda Maria Aparecida que já cansou de ver assaltos. A alternativa, para ela e toda a rua, são as cercas elétricas e câmeras que os próprios moradores instalaram, prática comum em bairros de mesmo porte. Sobre a segurança, a prefeitura informou que a Guarda Municipal realiza diariamente rondas em todo o município e atende solicitações de munícipes. No caso da Morada dos Pássaros, houve o registro de três solicitações na GM entre 25 de janeiro de 2014 e 25 de janeiro de 2015, sendo uma de porte de entorpecente e duas averiguações de suspeitos.

‘Lixão do Arizona’ – No Jardim Arizona, mais à frente do Morada dos Pássaros, o acúmulo de entulhos, móveis e lixo deixados na rua é característica marcada. “Chamam ‘lixão do Arizona’, todo mundo conhece”, conta o morador da rua José Brunelli Filho, onde está o problema, Edvaldo Alves de Brito. “Faz uns quatro anos que temos esse problema e ninguém faz nada. O caminhão de reciclável passa toda quinta-feira, mas é só ele passar e, em seguida, pessoas deixam o lixo. Elas vêm de outros bairros para sujar o nosso”, conta a esposa de Edvaldo, Maria Aparecida Toledo. Embora a própria população deposite os entulhos no local, moradores pedem fiscalização da prefeitura e um local adequado para que o despejo seja feito.

Em nota, a prefeitura informou que tem mantido o status de melhor cidade pensando no município como um todo e investindo em áreas prioritárias e estratégicas, buscando desenvolvimento aliado a políticas de sustentabilidade e que o prefeito periodicamente realiza reuniões nos bairros e semanalmente, conforme a disponibilidade de sua agenda no gabinete, visita obras em andamento.

Sobre o lixo do Arizona, a prefeitura diz que tem um projeto para instalação de Ecopontos em processo licitatório e lembra que o município possui lei própria que prevê multa para quem joga lixo nas ruas ou calçadas fora do prazo de coleta. A fiscalização é feita pela prefeitura e Guarda Ambiental. Mas, para que o infrator seja punido, é preciso que seja pego em flagrante e que os moradores acionem uma viatura da Guarda Municipal por meio dos canais de denúncia 153, 0800 772 2153, 4524 4721 e 4524 3577 (Guarda Ambiental). O cidadão também pode encaminhar vídeos e fotos à fiscalização.

Assine o JJ Digital e saiba mais .

Fonte: Jornal de Jundiaí
Link: www.jj.com.br/noticias-12480-eleita-a-3ª-melhor-cidade-itatiba-esta-esquecida-segundo-moradores

Técnico em Informática, Bacharel em Ciência da Computação. Natural de Itatiba/SP.

Email: brunomezzalira@itatibanews.com

Comentários

Bruno Mezzalira

Técnico em Informática, Bacharel em Ciência da Computação. Natural de Itatiba/SP. Email: brunomezzalira@itatibanews.com

Recentes

É rejeitado projeto sobre divulgação de alvarás... Nesta quarta (13), na 33ª Sessão Ordinária da Câma...
Defesa pede liberdade para os irmãos Wesley e Joes... Por: Décio Trujilo   A defesa dos empresá...
Grendacc ganha RaiosX Portátil que tornará atendim... O Grendacc (Grupo em Defesa da Criança com Câncer)...
Com experiência cervejeira e shows sertanejos, Car... O Jaguariúna Rodeo Festival chega à 29ª edição nes...

Populares

Obras contra enchentes alteram trânsito próximo ao... Com o objetivo de aumentar a vazão das águas do Ri...
Vacinação contra meningite C e HPV começa dia 11... A partir do dia 11 de setembro começa em todo o pa...
Confira a programação da Semana da Pátria 2017 A Prefeitura de Itatiba, por meio da Secretaria da...
Naufrágio em Salvador deixa ao menos 22 mortos; go... O 2° Distrito Naval de Salvador, na Bahia, confirm...
Com experiência cervejeira e shows sertanejos, Car... O Jaguariúna Rodeo Festival chega à 29ª edição nes...
CLOSE
CLOSE