WhatsApp: saiba os riscos de usar a VPN no smartphone

A suspensão do aplicativo WhatsApp em todo o Brasil tem feito diversos usuários recorrerem a aplicativos de VPN para conseguir driblar a proibição e continuar a se comunicar por meio do serviço.

A VPN (Virtual private network – rede virtual privada) é uma ferramenta que pemite o tráfego de dados por um caminho privativo na web. Na navegação comum, por exemplo, quando um endereço de site está com o início “https://”, em vez de “http://”, significa que esta é uma conexão segura, na qual se estabelce uma VPN entre o seu computador e o servidor do site que você está acessando. “Se alguém observar o fluxo de dados entre vocês de fora, não consegue pegar o que está sendo transmitido, porque tudo está criptografado”, explica o professor João Gondim, do Departamento de Ciências da Computação da Universidade de Brasília (UnB).

Uma VPN faz com que todo o seu tráfego na rede passe por um computador específico. Se esse computador não estiver no Brasil, seu Whatsapp vai funcionar e sua Netflix (serviço de streaming de conteúdo) vai ter acesso a conteúdos de outro país. No entanto, é necessário ter atenção.

Não são apenas os dados do Whatsapp que entram no fluxo da VPN. “Quando eu falo todo o tráfego, é todo o tráfego de rede mesmo. Inclui email, Facebook, aplicativos de bancos, etc”, alerta Athos Ribeiro, do Centro de Competência em Software Livre (IME) da Universidade de São Paulo.

Segundo o professor Gondim, no caso do WhatsApp, a VPN estabelece a conexão do aplicativo por meio de portas que não são as usuais nos dias em que o serviço não está suspenso: “você chega ao servidor como que por um desvio”, explica. O risco de utilizar a VPN é, segundo Gondim, o mesmo que se corre ao utilizar qualquer aplicativo: é necessário analisar todos os termos de uso, ver a que os seus dados estão sendo expostos e avaliar se vale a pena”, orienta.

Via http://www.ebc.com.br/tecnologia/2015/12/entenda-o-que-e-vpn-e-conheca-o-risco-de-usar-este-servico-no-seu-celular 

Técnico em Informática, Bacharel em Ciência da Computação. Natural de Itatiba/SP.

Email: brunomezzalira@itatibanews.com

Bruno Mezzalira

Técnico em Informática, Bacharel em Ciência da Computação. Natural de Itatiba/SP. Email: brunomezzalira@itatibanews.com

Recentes

Polícia Militar fecha laboratório de drogas dentro... No local foram apreendidos 16 quilos de entorpecen...
Quadrilha explode caixas eletrônicos em Morungaba;... Bando ateou fogo em veículos para impedir chegada ...
DNS da Google está passando por instabilidade no B... De acordo com relatos, o DNS da Google, conhecido ...
Ministério da Saúde quer suspender venda de refrig... De acordo com a pasta, o consumo de refrigerante a...

Populares

Polícia Militar fecha laboratório de drogas dentro... No local foram apreendidos 16 quilos de entorpecen...
Quadrilha explode caixas eletrônicos em Morungaba;... Bando ateou fogo em veículos para impedir chegada ...
Aprovados projetos de assistência a pessoas de bai... A Câmara Municipal de Itatiba realizou, hoje (31),...
Abertas inscrições para aulas de música e ballet e... A Prefeitura de Itatiba, por meio da Secretaria de...
Morre João Elias, o Salim Muchiba da ‘Escoli... O humorista e escritor João Antônio Elias de Oli...
CLOSE
CLOSE